Decisão de juiz do Piauí pode tirar o WhatsApp do ar no Brasil

Reprodução/Flickr/Tecmovida
A decisão de um juiz do Piauí pode tirar o aplicativo de mensagens WhatsApp do ar em todo o Brasil. A decisão expedida pelo juiz da Central de Inquéritos da Comarca de Teresina (PI) Luís Moura Correia determina que a empresa Vivo suspenda o acesso ao serviço.
Trechos da decisão, divulgados na internet, ordenam que a Vivo suspenda temporariamente o acesso ao serviço por meio dos endereços whatsapp.net, whatsapp.com e também todos os subdomínios. Ainda não há informações sobre o bloqueio do aplicativo via smartphone.
A decisão indica que a Vivo tem um prazo de 24 horas após o recebimento da notificação para retirar o acesso ao WhatsApp. Por conta do segredo de Justiça, não há informações sobre o motivo que teria levado o juiz a decretar o bloqueio do WhatsApp. As empresas podem recorrer da decisão antes de serem obrigadas a cumpri-la.
A decisão judicial foi enviada para a Vivo pelo delegado do Núcleo de Inteligência da Secretaria de Segurança Pública do Piauí, Éverton Ferreira de Almeida Férrer. As informações foram confirmadas pela reportagem da TV Antena 10, afiliada da Rede Record no Piauí. A reportagem do R7 entrou em contato com a comunicação do Tribunal de Justiça do Piauí e também com as empresas citadas, mas não obteve retorno até o fechamento desta matéria.
Por: R7

Comentar

Seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

*